Até os usuários agora estão confusos com as responsabilidades de profissionais que sempre existiram

Este caso é emblemático de como novos negócios viabilizados pela tecnologia são capazes de desrnortear percepções e comportamentos.
O motorista de táxi no caso é um safado que assedia passageiras pelo telefone. Essas passageiras são usuárias de um app de taxi (99 Taxis, Easy Taxi, etc.) e entendem que a responsabilidade por resolver o desvio de caráter do motorista é do app e não da polícia ou do sindicato dos taxistas.
O sindicato por sua vez só se manifesta para reclamar de direitos ameaçados pelos apps de taxi, nunca para reprovar a conduta do seu associado pois seu monopólio vai continuar existindo independentemente da qualidade do serviço prestado por eles.
No final, o único interessado em resolver o problema é o app que depende da qualidade dos seus serviços para sobreviver.
Da manchete à “solução” tem alguma coisa certa nessa história toda?

Leia a história surreal aqui.

3 comentários sobre “Até os usuários agora estão confusos com as responsabilidades de profissionais que sempre existiram

  1. Pingback: Über e Whatsapp desnorteiam profissionais e governantes | The New Society

  2. Pingback: 7 | Três negócios disruptivos que você precisa entender | Panora

  3. Pingback: 6 | Três negócios disruptivos que resumem tudo | Panora

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s